Nesta segunda começam a funcionar varias áreas de prestação de serviços em Ponte Nova

0
845

Como parte do decreto do Prefeito Wagner Mol, que flexibiliza aos poucos a abertura do comércio em Ponte Nova, nesta segunda-feira 18/05, estarão liberados para várias categorias e prestação d serviços, principalmente.

Lembrando que todos têm que seguir as mesas regras determinadas no Protocolo de Flexibilização, como uso de máscaras, distanciamento em filas, e números de pessoas dentro do estabelecimento.


Veja o que começa a funcionar:

Art. 13 – Fica autorizada a flexibilização a partir de 18 de maio de 2020 dos comércios e prestadores de serviços da onda vermelha do Protocolo Minas Consciente do Estado de Minas Gerais.
I Atividades paisagísticas, decoração de interiores, design de produtos;

II- Formação de condutores, cursos de pilotagem, hotéis, motéis, pousadas, campings, albergues e pensões;

III- Comércio varejista de eletrodomésticos;

IV- Recarga de cartuchos;

V- Comércio varejista especializado em instrumentos musicais, peças e artigos fotográficos e de filmagem;

VI- Salões de beleza e clínicas de estética;

VII- Comércio varejista e atacadista de joalheria, relojoarias e bijuterias.

Art. 14 – Os educadores físicos, terapeutas ocupacionais e fisioterapeutas ficam autorizados a prestar somente atendimentos individualizados voltados à recuperação ou prevenção da saúde, ficando proibidas atividades recreativas individuais ou coletivas e atendimentos em academias.

Art. 15 – Ficam autorizadas a funcionar as feiras livres, a partir de 11 de maio de 2020 com as condições descritas nos incisos abaixo.

1-As feiras acontecerão somente no espaço da Coplacan;

II- As feiras acontecerão às quartas no período noturno e aos domingos no período diurno;

III- Haverá revezamento de feirantes para garantir o distanciamento medidas de prevenção do Ministério da Saúde;

IV- A organização do rodízio será feita pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Rural;

V- A entrada de clientes só poderá acontecer pelo portão principal e esta será controlada e limitada a 50 pessoas por vez;

VI- Somente será autorizado o comércio de hortifrutigranjeiros e agro-indústria;

VII- Fica proibido o consumo de comidas e bebidas no local;

VIII- Fica proibida a venda de churrasquinho, pastéis, caldo de cana e outros alimentos de consumo imediato.

Art. 16 – Os comércios e prestadores de serviços flexibilizados nos artigos 11, 12 e 13 deverão funcionar das 09h às 15h de segunda a sexta-feira e das 09h às 13h aos sábados.