Taquinho Linhares assume a direção do PV em Ponte Nova

0
417

 

O ex-prefeito Taquinho Linhares, na noite de 09/01, assinou a sua ficha de filiação e assumiu a direção do Partido Verde, PV, em Ponte Nova.

Bastante concorrido, ao lado do vereador e ex-presidente da Câmara, Leo Moreira, e de vários amigos e correligionários, Taquinho Linhas falou sobre a sua saída do PSB, onde por muitos anos militou e foi eleito como prefeito, “…em decorrência de desentendimentos com as pessoas que estavam dirigindo o partido, e dirigindo a cidade, que foram eleitos com o compromisso de levar adiante o programa do partido, mas infelizmente mesmo antes da posse romperam com a gente, e ficou impossível conviver com eles”, disse Taquinho.


Sobre sua ida PV, disse que por o partido seu ligado as questões do meio ambiente, “…isso representa muito para a cidade, que já teve lutas históricas nas questão”, ele lembrou a luta contra a implantação da hidrelétrica no rio Piranga, quando ele era prefeito.

Taquinho ainda ressaltou outras qualidades do PV, e uma delas é que o partido não está entre os envolvidos em falcatruas da Lava Jato.

Taquinho garante que muitos que ainda permanecem no PSB, já se manifestaram acompanha-lo no PV.

Leo Moreira, em sua fala, disse da importância de “…unirmos todos em prol de uma Ponte Nova melhor e mais humana”.

Estiveram presentes na mesa, os representantes: Weverson Bonfioli – Cidadania, Helcio Ferreira – MDB, Sérgio Ferrugem – Republicanos, Taquinho Linhares – PV, Rovilson Lara – PR, Edinho Irias – Avante, Irini Ribeiro – DEM, Chico Fanica – Rede, Zé Luiz d Eureka – Solidariedade.

Presentes também os vereadores, Rubinho Tavares, PSDB, Montanha, MDB e vários ex-vereadores.

Helcio Ferreira, Presidente do MDB, Ponte Nova, falou em nome do Deputado Tiago Cotta, e Mário Quintao, falou em nome do Deputado Glaycon Franco, secretário nacional do PV. Os dois Deputados, não puderam estar presentes, devido a um acidente que aconteceu na Serra de Itabirito, onde o trânsito ficou por horas parado.

À reportagem do UN, no final do evento, Taquinho Linhares, disse estar muito contente com a presença de muitos amigos e correligionários, o que mostra a vontade e necessidade de mudança na direção da cidade.