Saudali e Cruzeiro fecham parceria de patrocínio no futebol profissional feminino

0
325

O Saudali e o Cruzeiro fecharam na tarde de ontem, 11 de junho de 2019, o contrato de patrocínio à equipe de futebol feminino do clube. O acordo cede à marca o espaço máster da camisa do uniforme celeste, que poderá ser conferido na partida contra o Ceará pelas quartas de final do Campeonato Brasileiro Feminino A-2, neste sábado (13), em Fortaleza (RN). Acreditando no futebol feminino, a empresa se torna a primeira de Minas Gerais a apoiar um time de nível profissional.

A modalidade foi apresentada à Nação Azul este ano, mas já tem conquistado relevante espaço no cenário esportivo brasileiro. Rene Salviano, Diretor Comercial e de Novos Negócios do clube, vê “o futebol feminino como mais uma maneira de potencializar as receitas do clube, trazendo novas instituições parceiras” para o projeto. Em contrapartida, o Diretor Comercial do Saudali, Adriano Pacheco, ressalta que vislumbrou a proposta como uma oportunidade de valorizar o esporte feminino e que o Cruzeiro é uma “marca forte no cenário esportivo nacional, com diversas conquistas e a fidelidade de milhares de torcedores”. O acordo entre os parceiros é válido até 31 de dezembro desta temporada.


O Saudali é uma empresa alimentícia situada em Ponte Nova (MG), no Vale do Piranga, região referência em suinocultura. Com atuação em 18 estados brasileiros e no exterior, seu mix conta com mais de 200 produtos suínos e, recentemente, adentrou também outros segmentos. A valorização do esporte já é um trabalho desenvolvido pela empresa, até agora localmente. Segundo o Supervisor de Marketing, César Godói, projetos de responsabilidade social e da promoção do esporte são realizados na comunidade, com objetivo de proporcionar bem-estar, saúde e lazer para todas as faixas etárias. Ele explica que, por acreditar “na força do futebol e na capacidade das mulheres em ocupar este (e não só este) espaço”, o patrocínio “visa o fortalecimento da marca e o apoio ao esporte feminino no país”.

Fonte: Assessoria de Comunicação Interna do Saudali