TRE/MG decide favorável e Léo Moreira que continuará como Vereador

0
892

No último dia 11/10, o Tribunal Regional Eleitoral/TRE-MG julgou improcedente a ação movida contra o vereador e presidente da Câmara de Ponte Nova, Léo Moreira por infidelidade partidária.

No mês de abril, o vereador trocou o Partido Socialista Brasileiro/PSB pelo Partido Humanista da Solidariedade/PHS por ter sofrido grave discriminação pelos dirigentes do PSB.


Por 4 votos a 3, o TRE-MG deu ganho de causa para o vereador arquivando o processo.

A decisão contrária poderia ter tirado o vereador de sua cadeira de vereador, que continuará com seu projeto político para a cidade de Ponte Nova.