A 1ª Semana de Conscientização e Segurança no Trânsito do Gavazza

0
243

Entre os dias 12 e 16 ocorreu a 1ª Semana de Conscientização e Segurança no Trânsito do Hospital Arnaldo Gavazza. Ao todo foram realizadas cinco atividades, dentre elas destacaram-se a atividade de abertura, conduzida pela técnica em segurança do trabalho, Mara Etelvina; a palestra conduzida pela instrutora de auto-escola, Tanier; o bate papo com a sargenta Roseli Alves; e a atividade de encerramento, que ficou por conta da psicóloga, Gilmara Dias.

Segunda-feira


É dirigir com o objetivo de prevenir atento a ações incorretas de outros motoristas e das possíveis condições adversas da pista e do tempo.  Direção Segura é a melhor maneira de dirigir e de se comportar no trânsito, porque ajuda a preservar a vida, a saúde e o meio ambiente, relatou Mara Etelvina.

Terça-feira

A intenção era de que fosse um bate papo sobre as principais infrações cometidas pelos condutores de Ponte Nova e região, além de abordagem educativa, alertando para as principais causas de acidentes de trânsito, salientou Roseli Alves.

Quinta-feira

Tanier apresentou dados estatísticos de que o índice de acidentes com o celular como causa raiz, quase se equiparam aos provocados por ingestão de álcool. O momento também serviu para quebrar alguns paradigmas, como o de que o pedestre tem sempre a preferência; e que o semáforo serve para o motorista e o pedestre também.

Sexta-feira

A importância de evitar acidentes, através da conscientização e segurança ao conduzir, porque a dor de um acidente pode ser duradoura. Transtorno de estresse pós-traumático (TEPT), que é a condição mental desencadeada após testemunhar ou vivenciar um momento aterrorizante, ressaltou Gilmara Dias.