Polícia Civil resgata idosas mantidas em cárcere privado

0
3335

A Polícia Civil de Abre Campo resgatou duas irmãs, de 83 e 72 anos, que estavam sendo mantidas trancadas num barraco ao lado de um curral na zona rural de Abre Campo. O irmão delas, de 64 anos, foi preso pela acusação de manter as duas em cárcere num cômodo trancado com corrente e cadeado sem janelas e energia elétrica, em condições desumanas.

A Justiça de Abre Campo concedeu três mandados de busca e apreensão que resultaram no resgate das duas idosas que estavam sendo mantidas em cárcere privado pelo próprio irmão. De acordo com o delegado, Dr. Felipe de Ornelas Caldas, após intensa investigação, a Polícia Civil apurou que Elvio de Abreu e Silva, 64 anos, levava as irmãs para a fazenda todos os dias e as mantinha trancadas nesse cômodo.


Ainda de acordo com o delegado, ele se apoderou do cartão bancário da aposentadoria das irmãs idosas, passou a gerir o grande patrimônio da família e as mantinha em condições desumanas.

Durante cumprimento dos mandados de busca, investigadores de Abre Campo e Matipó, encontraram as irmãs trancadas num quarto escuro, sem janelas, ventilação e energia elétrica. O local é anexo a um curral de animais com cadeado e corrente.

Elvio foi preso em flagrante por cárcere privado e maus tratos.

As idosas foram encaminhadas ao asilo de Abre Campo pela Assistência Social com os documentos recolhidos e cartões até uma decisão da Justiça.