Vivi Romagnoli: Sobreviventes de uma derrota

0
288

São inevitáveis as dores, sofrimentos e lamúrias que pertencem a uma derrota. Seja ela qual for; o ser humano não está preparado para perdas injustificáveis. É certo que a justificativa é pessoal e intransferível, mas de acordo com sua intensidade, ela é vivida coletivamente. Também podemos dizer que é incontestável a força que temos pra dar a volta por cima quando algo escapa do nosso controle e planejamento. Essa força é contagiante e poderosa. Precisamos testar a nossa vontade de reverter situações ruins em vitórias sucessivas. Para isso, devemos abandonar o pensamento pessimista e derrotista para trabalharmos a esperança em um dia melhor, mais justo e mais feliz.

Certamente, se olharmos para o lado, enxergaremos inúmeras necessidades de crescimento que precisam do nosso auxílio e da nossa fé. Sendo assim, continuemos firmes a caminhada; mesmo com os joelhos cansados e a alma calejada; pois no final de tudo, o grito dos que sobrevivem a uma derrota ecoará transformando tudo e todos ao nosso redor.